Como criar figuras para documentos do Latex do jeito certo

Usar figuras nos formatos convencionais de imagens (.png, .jpg, .gif, etc.) nem sempre leva à bons resultados em documentos do Latex, as figuras podem ficar meio distorcidas, além de deixar o arquivo muito pesado. Este tutorial mostra uma maneira de desenhar as figuras vetoriais de modo que seja completamente compatível com o Latex.

Figura 1: Criando as variávies

Figura 1: Criando as variávies

A ferramenta utilizada para isso é o xfig que apesar de ser um editor de imagens bem simples, está longe de ser um exemplo de usabilidade, por isso aconselho fortemente consultar a documentação antes de pôr a mão na massa. Mas para o que queremos é uma ótima opção.

Partindo do pressuposto que você já tenha  desenhado a imagem desejada, vou iniciar mostrando um dos recursos mais interessantes que eu achei no xfig, que é a possibilidade de incluir variáveis em notação matemática, como veremos a seguir. A figura 1, mostra como inserir tais variáveis.

Na barra lateral esquerda, selecione a opção T de Text e então nomeie as variáveis no local desejado, no exemplo da figura 1 as variáveis são v1, v2, v3, a1 e a2.

Depois disso vamos supor que o desenho está terminado e então exportar para o formato .eps que é o padrão para Latex. Para fins de organização, crie uma pasta só para isso, chamaremos aqui de criarFig, segue o comando no terminal do Linux.

$mkdir criarFig

No menu File>Export, nomeie o arquivo de saída como figura.eps e salve na pasta criarFig, conforme ilustra a figura 2.

Figura 2: Menu Export

Figura 2: Menu Export

Isso vai gerar uma imagem como a da figura 3.

Figura 3: Imagem antes de ser compilada no Latex

Figura 3: Imagem antes de ser compilada no Latex

Agora vamos precisar executar alguns scripts para poder dar nomes as variáveis. Primeiro crie um arquivo chamado script.tex e salve na pasta criarFig com o seguinte conteúdo:

\documentclass[12pt]{article}
\usepackage{graphicx,psfrag}
\begin{document}
\pagestyle{empty}
\psfragscanon
\psfrag{v1}{$u$}
\psfrag{v2}{$v$}
\psfrag{v3}{$w$}
\psfrag{a1}{0.3}
\psfrag{a2}{0.4}
\noindent\includegraphics*[scale=1.4]{figura.eps}
\psfragscanoff
\end{document}

O este documento associa as variáveis criadas na imagem com os rótulos desejados para cada uma, como pode ser observado acima. Depois crie um arquivo chamado criarImagem.sh, contendo:

latex script.tex
dvips -E -o arquivoEPS.eps script.dvi
eps2eps arquivoEPS.eps figFinal.eps
rm *.aux
rm *.dvi
rm *.log
rm *.pfg

Dê permissão de execução e execute com os comandos:

$chmod +x criarImagem.sh
$./criarImagem.sh

A saída deve ser como mostra a figura 4.

Figura 4: Saída do script

Figura 4: Saída do script

Pronto! O script compila a imagem como Latex e gera uma imagem em .eps otimizada. Agora é só copiar para o local desejado e utilizar no seu documento. Observe que as letras presentes na imagem seguem a notação matemática do Latex.

Figura 5: Figura final

Figura 5: Figura final

Agradecimento ao meu amigo Santiago Viertel que me deu várias dicas de como usar o xfig.

2 comentários sobre “Como criar figuras para documentos do Latex do jeito certo

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s